Biodança: A dança da vida e os ensinamentos que ela pode oferecer

Em meio aos desafios do cotidiano e a vida repleta de atividades que todos nós temos, por vezes, pode parecer difícil se sentir integrado consigo mesmo. E, em paralelo, conseguir estreitar as relações com o outro e com toda as infinitas perspectivas de vida, que a interação com o nosso  planeta oferece.  

Através de movimentos e vivências integradoras e de encontros em grupo que acontecem durante a prática da Biodança, é possível se reconectar,  desenvolvendo as suas potencialidades e vivenciando experiências que contribuem de forma positiva em vários aspectos da vida. 

O artigo de hoje, fala sobre as experiências que a dança da vida – Biodança- nos proporciona. 

Biodança – “movimento de vida”

A Biodanza, nas palavras da nossa facilitadora, Sara Leão:  “ é uma prática de integração humana (integração a si mesmo, ao semelhante e ao universo) realizada através da dança (“movimento natural pleno de sentido”), e da música “orgânica” que apresenta atributos “biológicos” como ritmo, fluidez, harmonia, tom e unidade de sentimento e de encontros em grupo, em que a unidade afetiva é gerada na troca de afeto entre as pessoas. 

A base de sua metodologia é a vivência, a “experiência vivida com grande intensidade por um indivíduo no momento presente, que envolve a cenestesia, as funções orgânicas e emocionais” (conceito redefinido por Rolando Toro, criador do Sistema Biodanza).

 

Experiências de quem pratica a Biodança 

Algo que me encanta na Biodança, é que este é um método onde cada um sente a experiência de forma diferente.

“Por meio da Biodança é possível enfrentar de peito aberto os desafios que o mundo te oferece. E se jogar na dança e na caminhada da vida onde você encontra segurança no olhar, no sorriso e no abraço amigo. A partir daí, você renasce com muito mais vitalidade e alegria de viver, é assim que me sinto ao praticar a Biodança” – Álvaro Maciel.

 

Biodança “Dança do Coração”

Os sentimentos da nossa colega de aula Sirlene  Mata, foram expressados em formato de poema: 

A DANÇA DA VIDA

“Meu canto

Meu encanto.

O canto do outro

O abraço

O coração que bate 

As mãos que se entrelaçam.

Em busca de unidade

Em torno de pessoas

De pessoas especiais 

Que buscam a integridade

O devagar…

O ir e vir

Na dança do coração.

Biodança 

Vivências

Ternuras

Roda de amigos

Roda de danças

Danças que nos interiorizam 

Nos completam 

Tudo parece

Vazio lá fora

Lá fora 

Lá fora, tudo é imperfeito

Aqui dentro 

Tudo pode ser transformado”.

 

Um nova maneira de viver a vida 

“A Biodança me permite entrar em contato comigo mesma e me perceber integralmente. É um momento de me desligar do mundo. Depois que comecei a praticar a Biodança, percebi uma leveza no lidar com as pessoas e as situações do dia a dia”. – Natália Vasconcelos de Oliveira

Eu, Jussara, percebo como aluna, uma incrível experiência de intimidade comigo através dos movimentos corporais, o ritmo diversificado das músicas e o precioso encontro com as pessoas.

Ter toda semana esse momento de parar e dedicar 2 horas na quarta-feira,  para respirar, andar pela sala, olhar o meu colega, tudo isso com consciência e emoção,  me faz “caminhar na vida” com maior segurança, clareza de ideias e coragem na realização de sonhos.

É realmente sentir alegria e entusiasmo  pelo dom da vida aqui e agora! Muito profundo e transformador…

Jussara Arthuso – Idealizadora do Espaço Entre Olhares Psicologia . 

“Por isso, escolhi esse projeto aqui para o Espaço Entre Olhares Psicologia. E tenho visto de perto as transformações na vida de quem participa das aulas, pois praticar Biodança faz a vida ficar melhor!!!”

Como participar das aulas de Biodança

As aulas de Biodança acontecem todas às quartas feiras, das 19:30 hs as 21:30 hs, no Espaço Entre Olhares Psicologia, no bairro Jardim Casa Branca, em Betim.

 Para mais informações, entre em contato conosco através do Whatsapp 

(31) 9 8814-7288.

WhatsApp chat