No próximo dia 17 (domingo) comemora-se o Dia da Internet. Aproveitando a data e o fato de que ela está presente em praticamente todos os aspectos da vida humana atual, neste Blog Post quero falar com vocês sobre o uso seguro desta ferramenta tão poderosa. Confira!

A presença da Internet é uma realidade no cotidiano da grande maioria da população mundial, e devido a pandemia do coronavírus isso se tornou ainda mais comum. Reuniões de trabalhos migraram das salas nos escritórios para salas em ambiente virtual. Aulas em sala migraram para a rede. Crianças no processo de educação fundamental fazem provas e trabalhos online.

Isso tudo só nos mostra quão grande é o poder de uso da Internet. Ela conecta pessoas que não se veem há tempo e possibilita o alcance de informações de uma forma que não imaginávamos há 10 anos atrás.

É importante ressaltar que de forma alguma a Internet deve substituir os relacionamentos humanos. Esses sim precisam ser valorizados. Mas esse é um tema para um outro blog. Hoje, quero falar sobre como usar essa poderosíssima ferramenta de forma segura.

Para quem tem acesso a Internet todos os dias, é muito difícil imaginar como seria a vida sem poder usufruir das diversas facilidades e oportunidades trazidas por esta tecnologia.

Por meio da Internet você pode:

  • Encontrar antigos amigos, fazer novas amizades, encontrar pessoas que compartilham seus gostos e manter contato com amigos e familiares distantes;
  • Acessar sites de notícias e de esportes, participar de cursos à distância, pesquisar assuntos de interesse e tirar dúvidas em listas de discussão;
  • Efetuar serviços bancários, como transferências, pagamentos de contas e verificação de extratos;
  • Fazer compras em supermercados e em lojas de comércio eletrônico, pesquisar preços e verificar a opinião de outras pessoas sobre os produtos ou serviços ofertados por uma determinada loja;
  • Acessar sites dedicados a brincadeiras, passatempos e histórias em quadrinhos, além de grande variedade de jogos, para as mais diversas faixas etárias;
  • Enviar a sua declaração de Imposto de Renda, emitir boletim de ocorrência, consultar os pontos em sua carteira de habilitação e agendar a emissão de passaporte;
  • Consultar a programação das salas de cinema, verificar a agenda de espetáculos teatrais, exposições e shows e adquirir seus ingressos antecipadamente;
  • Consultar acervos de museus e sites dedicados à obra de grandes artistas, onde é possível conhecer a biografia e as técnicas empregadas por cada um.

Estes são apenas alguns exemplos de como você pode utilizar a Internet para facilitar e melhorar a sua vida. Aproveitar esses benefícios de forma segura, entretanto, requer que alguns cuidados sejam tomados e, para isto, é importante que você esteja informado dos riscos aos quais está exposto para que possa tomar as medidas preventivas necessárias.

Alguns riscos que o uso inadequado pode trazer:

  • Acesso a conteúdos impróprios ou ofensivos
  • Contato com pessoas mal-intencionadas
  • Furto de identidade
  • Furto e perda de dados
  • Invasão de privacidade
  • Divulgação de boatos
  • Dificuldade de exclusão
  • Dificuldade de detectar e expressar sentimentos
  • Dificuldade de manter sigilo
  • Uso excessivo
  • Plágio e violação de direitos autorais

O primeiro passo para se prevenir dos riscos relacionados ao uso da Internet é estar ciente de que ela não tem nada de “virtual”. Tudo o que ocorre ou é realizado por meio da Internet é real: os dados são reais e as empresas e pessoas com quem você interage são as mesmas que estão fora dela.

Desta forma, os riscos aos quais você está exposto ao usá-la são os mesmos presentes no seu dia a dia e os golpes que são aplicados por meio dela são similares àqueles que ocorrem na rua ou por telefone.

É preciso, portanto, que você leve para a Internet os mesmos cuidados e as mesmas preocupações que você tem no seu dia a dia, como por exemplo: visitar apenas lojas confiáveis, não deixar públicos dados sensíveis, ficar atento quando “for ao banco” ou “fizer compras”, não passar informações a estranhos, não deixar a porta da sua casa aberta, etc.

Para tentar reduzir os riscos e se proteger é importante que você adote uma postura preventiva e que a atenção com a segurança seja um hábito incorporado à sua rotina, independente de questões como local, tecnologia ou meio utilizado.

Outro ponto muito importante é o controle dos pais. Esteja sempre atento a forma como seus filhos utilizam a Internet.

Durante o período que usam a rede para estudar, se possível, acompanhe o que estão fazendo. É bom que determine horários e é possível instalar programas de bloqueio para sites que possuem conteúdos que não condizem com a idade da criança.

A Internet quando usada de forma correta e com as devidas precauções pode ser uma coisa excelente. Mas, mais uma vez, valorize sempre o contato humano em primeiro lugar. Uma boa conversa frente a frente, um abraço, uma ida ao cinema, nenhuma rede social poderá substituir.

Use a tecnologia a seu favor e não contra tudo que você é e pode ser. 

E lembrando que continuamos juntos. Estou realizando consultas psicológicas online, com o mesmo sigilo e ética necessários.

Um forte abraço!

Espaço Entre Olhares (031) 98814-7288

Leia também: Uso da tecnologia na infância: Quais são os riscos e as melhores alternativas?

WhatsApp chat