Uso da tecnologia na infância: Quais são os riscos e as melhores alternativas?

 

A tecnologia está cada vez mais presente na vida das crianças. O acesso à internet e o uso de dispositivos, como smartphones, tablets e outros, oferecem maior acesso à informação e despertam o interesse de novos conhecimentos.

Mas o uso excessivo de tecnologia durante a infância pode interferir diretamente de forma negativa no desenvolvimento das crianças.

E em meio a aspectos positivos e negativos, qual é a melhor forma de usar a tecnologia durante a infância? Neste artigo, abordaremos esse tema e ajudaremos a esclarecer algumas das principais dúvidas de pais, cuidadores e educadores. Acompanhe!

Estudos sobre o uso da tecnologia na infância

 De acordo com os dados divulgados através da Pesquisa TIC Kids Online 2017, referente ao levantamento sobre o uso da internet por crianças e adolescentes no Brasil, constatou-se:

Cerca de 24 milhões de crianças e adolescentes, entre 9 e 17 anos, têm acesso a internet. E aproximadamente 85% destes, conectam-se a internet através dos smartphones.

Os índices são também bastante elevados, em relação à primeira infância. A pesquisa americana Zero to Eight estima que em 95% das casas que possuem acesso a internet, as crianças de 0 a 2 anos já utilizam dispositivos tecnológicos.

Os dados expressivos em relação ao uso de tecnologias servem como um alerta para os pais e cuidadores.

Quais os possíveis reflexos no desenvolvimento infantil?  

Durante o processo de desenvolvimento, as crianças começam a assimilar informações e aprender mais sobre si e sobre o mundo. São esses conhecimentos que serão levados para toda vida.  

Nesse sentido, o uso em excesso das tecnologias pode ocasionar alguns problemas como:  

Problemas emocionais:

O ambiente digital estimula a individualização das pessoas, fazendo com que as crianças se mantenham apenas conectadas ao ambiente virtual.  E com isso, apresentam dificuldade de interagir e de conviver com outras pessoas, “no mundo real”.

Problemas físicos:

Além disso, o uso excessivo de smartphones e outros dispositivos digitais, pode causar danos à visão. De acordo com dados divulgados pela Sociedade Brasileira de Oftalmologia, cerca de 20% das crianças em idade escolar apresentam problemas de visão como miopia por exemplo, em função do uso dos dispositivos tecnológicos de forma constante.

Os aparelhos também podem causar prejuízos ao sono das crianças, quando utilizados de forma constante antes de dormir.  Ao desregular o sono, as crianças apresentam maior sonolência durante o dia, dores de cabeça, queda na atenção, alteração de humor. É o que aponta,  estudos feitos por cientistas da King’s College em Londres.  

Como os pais ou cuidadores podem ajudar nesse processo?

Como pais ou cuidadores é fundamental estabelecer regras e limites para o uso seguro das tecnologias dentro e fora de casa.

De acordo com recomendações da Sociedade Brasileira de Pediatria o período de uso de tecnologias deve limitar-se entre 1 – 2 horas por dia.  A idade para uso das tecnologias deve variar de acordo com o desenvolvimento e maturidade das crianças.

A publicação integral está no link: https://bit.ly/2LgAQOr

Como pais e cuidadores, é essencial buscar ser exemplo, usando os aparelhos tecnológicos de forma moderada. Afinal, o exemplo é sempre uma boa forma de ensinar.   

Quais as melhores alternativas para as crianças?

O uso das tecnologias já faz parte do nosso cotidiano. Mas existem diversas maneiras de desconectar e aproveitar os momentos:

  • Procure planejar atividades ao ar livre nos fins de semana.

  • Participe das atividades escolares das crianças.

  • Brinque, conte histórias e aproveite o tempo juntos.

Durante o período de férias escolares, ofereça um presente incrível para as crianças de sua convivência. Aqui no Espaço Entre Olhares, faremos em Julho/19, a 3ª edição da Colônia de Férias Diversão e Transformação.

Sua criança irá desfrutar de momentos prazerosos e você contribuirá para que o desenvolvimento pessoal dela aconteça de forma lúdica e dinâmica.

Para saber mais sobre a Colônia Férias, entre em contato conosco https://entreolhares.net.br/contato/

“Olá, muito prazer eu sou Jussara Estela Arthuso, Psicóloga e sou a responsável pelo Espaço Entre Olhares. Nosso objetivo é acolher e transformar a vida de cada uma das pessoas que buscam os serviços citados na Página Para Você aqui do site. Os artigos publicados aqui, ajudarão você na melhoria da qualidade dos relacionamentos e espero que as minhas palavras possam te trazer o conforto e as soluções que você busca. Se você gostou ou mesmo se ficou com alguma dúvida, aproveite para deixar o seu comentário no Fale Comigo, aqui na página.

WhatsApp chat